Friday, July 21, 2006

...

Alguns amigos meus acham que eu tenho a mania que sou maluca, só porque é bem parecer-se louco. Como se eu fosse em modas!!! E logo eles que seguem todas as tendências actuais, desde as vestimentas, passando pela música, até aos sítios in. Sim, tu loira mais-que-inteligente, esses trapinhos que usas todos os dias são para pareceres o quê? e tu, rapaz de marte, rapaste o cabelo porquê? E esta armada em saudável?
Agora comentem, vá...

19 comments:

Inês said...

O rapaz de Marte rapou o cabelo porque estava a ficar careca! Pobre rapaz de Marte, que ainda por cima é tão simples e tão anti-modas...
Eu não rejeito as modas, mas não mudo de personalidade por causa delas :P :P :P :P E admito que não sou maluca, apesar de isso fazer de mim uma pessoa com muito menos social-appeal!

dora, a saudável said...

Olha esta com a mania que é lúcida... Estás aqui, estás a ficar de fora dos convites para ires aos sítios in com os teus amigos trendy...

penso logo digo said...

ah bom, ao menos tenho social-appeal :-D

Inês said...

Sim, da próxima não vais a Gandra que te lixas!

maf* said...

eu não fui incluída nesses exemplos e estou ofendida por não ter sido insultada e por isso não digo mais do que estas breves palavras... humpf!

pal said...

olha, eu acho que ainda tenho as camisas xadrez e as sapatilhas de há 500 anos

e só conheci o anjos urbanos agora

e frequento intermachés e plus

mas fui a primeira a ter um blog!!!!!

(a primeira entre nós assim que nos conhecemos melhor. se alguém que te lê já tinha antes... quero lá saber! fui a primeira!!)

dora said...

Sim, ficas de fora da Las Vegas portuguesa, já sabes!
Pal, eu também frequento todos os low costs da vizinhança e não me livrei. Tu vives no campo, és muito prática, cozinhas açorda de peixe e dizes à tua filha que os polícias prendem os ladrões, acho que ainda vais pagar por isso neste blog.

pal said...

por dizer que eles prendem ladrões?! não percebo...

penso logo digo said...
This comment has been removed by a blog administrator.
penso logo digo said...

também, mas sobretudo por simplificares as coisas e não perderes tempo com questões transcendentes e pseudo-intelectuais (assim como eu, estás a ver?), por teres uma família tradicional e viveres no campo feliz e contente. O oposto destes urbano-depressivos todos.

dora said...

Porque a tua filha vai crescer a pensar que o sistema funciona o que, a par com a catequese que vais permitir que frequente, a tornará numa urbano-depressiva como os amigos da autora deste blog.

pal said...

ela vai crescer a pensar que o sistema funciona porque a mãe, de certo modo, tb pensa... se calhar é assim que consigo seguir a vidinha de modo-simples, como dizem.

experimenta dizer a um miúdo de 3 que há muitos polícias sacanas e imensos ladrões maus à solta!! a I ainda não sabe se sonha, não quero que conheça primeiro os pesadelos!!!!!


sobre o rapaz de Marte: trintão que esconde a sua personalidade capilar (calvice ou brancas) é porque não está a gostar lá muito de envelhecer, hein?!

(eu gosto de realçar as qualidades do casal-maravilha que somos - cabelos a correr para o cinzento e ele carequinha evidente ;) )

fisher king said...

A tua maluquice parece genuína e nada diletante, portanto saudável qb. E não vem mal nenhum ao mundo se tens algum orgulho nela. Visto que não a usas como arma de arremesso, exibe-a à vontade. Social appeal é bom!

JP said...

A tua loucura é de pé no chão e mão na terra, a trincar fruta fresca e com vontade mergulhar no mar em pleno inverno.Tens social-appeal porque trazes essa loucura presa em ti à solta na cidade. (Xana, numa de mandar bitaites)

Ana said...

Que cambada de tolos :)
Ass. A Maluca

nocas said...

Pois eu cá acho que tu és mesmo genuinamente louca, no sentido em que és a única com coragem para o ser... Nós é que andamos todos aqui numa de fazermos de conta que não somos loucos e que somos todos muito socialmente correctos.
Viva a C! C ao poder!

penso logo digo said...

ei lá!! se eu soubesse que ia ser invadida por tantos elogios, já teria dito isto no blog há mais tempo :-)))
Pal, esse tom é aquele que usas quando estás um bocadinho irritada? olha que ninguém escreveu "vidinha", uma vida simples, não é obrigatoriamente vidinha...

Tato said...

E.T, go home

pal said...

não, não, "vidinha" era carinhoso mesmo...