Wednesday, February 28, 2007

Depois

de ver/responder aos e.mails, ver/actualizar blogs, ler as primeiras páginas dos jornais e acabar as últimas páginas do "Rio de Glória" verifico que são 10h30 da manhã e entro em pânico.

Monday, February 26, 2007

Oh pá,

se quiserem eu também escrevo um livro.

Thursday, February 22, 2007

É, cheguei àquela

pirosice da encruzilhada. Agora estou aqui a tentar decidir o caminho sem que haja por perto uma puta de uma tabuleta. Acho que vou ao supermercado. Lá têm gelatina de côco e ameixas em Fevereiro. Uau.

Sunday, February 18, 2007

Dois meses

sem tabaco e eis-me aqui de cigarro na mão...tristeza!!

Thursday, February 15, 2007

Wednesday, February 14, 2007

Sou

definitivamente uma rapariga de fases (obsessões é capaz de ser exagero). Tive a do vegetarianismo na altura em que andava no yoga e lia Peter Singer; a da agricultura biológica, quando decidi ter a horta no quintal e plantar batatas, cebolas, tomates, couves, feijão verde, etc. e lia Thomas Moore; a do auto-conhecimento quando consultei um astrólogo e uma psiquiatra, nesta altura acho me virei para Hemingway e Faulkner -não faço a mínima ideia porquê - ; e tive a de estudante universitária, infelizmente bastante mais fugaz do que as outras, que me fez reler o Boaventura Sousa Santos. A fase em que me encontro agora, é o que estou para descobrir.

Os dois tempos

A propósito de uma imagem que me surgiu antes de adormecer, lembrei-me do Kundera e do que ele diz no livro "A lentidão", ou seja, há um vínculo secreto entre a lentidão e a memória, entre a velocidade e o esquecimento. E lembrei-me disto, porque estava a pensar que a vida tem dois tempos: o dos anos e o das horas. No primeiro, o que se estende ao longo do tempo (o mais lento, portanto), a vida parece-nos sempre melhor, cheia de acontecimentos gatificantes e momentos importantes. No segundo, o que está a acontecer agora (mais fugaz, logo, mais rápido) é quase sempre menosprezado, o dia-a-dia é das coisas mais difícies de aguentar. Por outras palavras, eu diria que há um vínculo secreto entre a lentidão e a felicidade e a velocidade e a infelicidade, mas é provável que não faça sentido nenhum.

Friday, February 09, 2007

Os meus sonhos

não têm nada a ver com este. Hoje, por exemplo, lembro-me de ler uma notícia (não faço ideia qual) muito inapropriada no Público; duas moedas de 50 cêntimos alinhadas no chão de minha casa e uma exposição de cães que eu a a joana íamos ver a Londres entusiamadíssimas...

Wednesday, February 07, 2007

De mim para mim

- achas mesmo que essas bolachas devoram gorduras?
- sei lá, aqui não diz Devoragras?
- pois, e estás à espera que a gordura desapareça... a comer bolachas, só podes estar a brincar!
- mas tem quitosano nos ingredientes e toda a gente sabe que o quitosano é um "devora gorduras"
- ahahahahahahahahahahahahahahahahahahah

Tuesday, February 06, 2007

A quem interessar

vai inaugurar a Igreja da Graça de Deus (ou melhor, já inaugurou no dia 3), na avenida da Boavista. Acho que as sextas-feiras são animadas: há uma "Oração forte contra azar, doenças e vícios".

A minha mãe

admite que queria ter abortado de mim.

Sunday, February 04, 2007

...

Há sonhos que são sonhados para serem esquecidos logo a seguir. Ou isso, ou querem-nos lixar a cabeça.