Monday, January 29, 2007

ui, ai e todas as interjeições obrigatórias,

eu tenho defeitos. Defeitos dos maus, não aqueles que analisados numa certa perspectiva podem ser considerados bons, como a teimosia. Eu queria que os meus defeitos fossem giros e, afinal, são feios. BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ...

7 comments:

Ana said...

Quais são??

dora said...

Como andas parva ultimamente... Estás a fazer-te ao divã mas precisas é de levar com uma tarte na cara e rir desbragadamente.

(todos temos defeitos inconfessáveis, os defeitos a sério não são giros mas ter defeitos é sempre giro, os defeitos aparentemente giros são uma treta)

penso logo digo said...

a dora já referiu um deles :-)

maf* said...

a tua filha tem mesmo a quem sair credo, agora parecia que a estava a ouvir a ela, chiça!
filho de peixe... não come carne!

Inês said...

Podes ter defeitos feios, mas és chata, és? Isso é que é ter um defeito a sério, minhámiga ;)

dora said...

Como é que sabemos se somos chatas ou não? Quais são os critérios? E, uma vez diagnosticada, como se cura a chateza?
Estas dúvidas atormentam-me.

boneca de trapos said...

os defeitos são aquilo que nos mantém sãos e felizes com o mundo e os outros! senão éramos todos uma cambada de "sem-gracinha-nenhuma"!