Tuesday, January 02, 2007

Estão a acontecer coisas no mundo

e eu não sei de nada. A rapariga das notícias vai lendo no teleponto, com ar de quem toma ansiolíticos, sobre o atentado da ETA no aeroporto de Madrid, o enforcamento de Saddam sob uma enxurrada de insultos, um boing qualquer coisa que está perdido na Indonésia e eu fico de boca aberta. Não só há mundo, para lá do meu espaço subacnoideu , como acontecem milhares de coisas ao mesmo tempo...

5 comments:

boneca de trapos said...

é incrivel como o mundo é tão grande para lá deste cantinho... não sei se me assuste se me aventure!

pal said...

mas afinal tu não trabalhas num meio de comunicação social?!

eu é que me sinto tt x um alien...

as minhas opções televisivas calham poucas x na informação e não consigo habituar-me a ver sites de notícias. e sinto que o que ouço/leio é sempre interrompido por uma razão ou outra...

penso logo digo said...

sim, trabalho num meio de comunicação social, mas nos últimos dias estive no Minho a embebedar-me (por falar nisso, segundo o JN o alcoolismo afecta 1,3 milhões de portugueses)

gi(g)ja said...

chalite, há esperança: o cérebro tb é responsável pelas actividades "involuntárias"! a culpa pode não ser só da nossa irresponsabilidade consciente. espera lá... isto é bom ou é mau?

maf* said...

... parece sim. mas é apenas mais um ano que acaba e outro que começa. com as catástrofes implícitas. era pior se o mundo tivesse acabado. ui, e se nós não tivéssemos dado por ela...
ah!, e eventualmente todos sabemos que os jornalistas são viciados em drogas legais.